0

Relato do amor. (Poema futurista)

“O amor nasceu… Viva!
Amar, calmaria, paz.
Vida, emoção.
                  Reciprocidade.

O amor quer desistir… Droga!
Falta, brigas, tumulto.
Morte, choro.
                   Paixão.

O amor insistiu… Viva!
Sair, diversão, renascer.
Coragem, abraços.
                   Felicidade.

O amor continua… Isso!
Duração, beijo… espera!!!
Novidades, palavras.
                   Sentimento. ”

Alice dos S. Bachiega.

0

soneto ao moreno .

“Vem moreno, deita aqui comigo
que seus problemas serão resolvidos.
Nos dias frios e quentes serei seu abrigo
E assim, seremos muito mais que amigos.

Ah, moreno, volte pra mim
que meus problemas serão resolvidos.
Juntos seremos um só até o fim . 

Moreno meu, junto a ti
sei que há um caminho bom 
para se arriscar e descobrir
que a vida faz mais sentido a dois.

Ei, moreno, se eu pedir
com carinho, você volta?
Então, vem, vem por nós.”

Alice Bachiega