0

confusão interna

“Você me confunde
da cabeça aos pés,
da mente ao coração

Qual a razão?
Reciprocidade
ou diversão?

Torço pro seu coração
ainda ser puro
e continuar batendo
só por mim.”

Alice dos S. Bachiega.

Anúncios
0

Relato do amor. (Poema futurista)

“O amor nasceu… Viva!
Amar, calmaria, paz.
Vida, emoção.
                  Reciprocidade.

O amor quer desistir… Droga!
Falta, brigas, tumulto.
Morte, choro.
                   Paixão.

O amor insistiu… Viva!
Sair, diversão, renascer.
Coragem, abraços.
                   Felicidade.

O amor continua… Isso!
Duração, beijo… espera!!!
Novidades, palavras.
                   Sentimento. ”

Alice dos S. Bachiega.